A sociedade civil e os movimentos sociais na construção do Estado
democrático de Direito

Diante do projeto de redemocratização do Estado e da sociedade na década de 1980, a questão da autonomia dos atores coletivos na sua relação com governos ainda autoritários, por um lado, e a multiplicidade de identidades coletivas (trabalhador, morador, mulher, etc.) de organizações emergentes, por outro, tornaram-se focos de atenção privilegiada desses atores e de seus analistas. Ao longo do tempo, novas camadas de análise foram adicionadas para compreensão das relações entre atores da sociedade civil e movimentos sociais no processo de construção do Estado democrático de Direito.

Este ensaio de Heber Silveira Rocha procura sistematiza os principais marcos analíticos que podem ser empregados para estudar este processo, considerando a trajetória da sociedade brasileira nas quatro últimas décadas.

Download: http://getip.net.br/wp-content/uploads/2023/11/2.-A-sociedade-civil-e-os-movimentos-sociais-na-construcao-do-Estado-democratico-de-Direito.pdf

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − onze =